Teste Teste Teste

comments powered by Disqus

quinta-feira, 19 de maio de 2011

Fliperama: Mirror's Edge



Olá pessoal!

Um dos primeiros jogos que comprei após adquiri o meu X-Caixa, que desde as primeiras imagens me chamaram a atenção não foi um FPS... Bem, na verdade é um FP, mas sem o "S" (cuja sigla completa significa First Person Shooter)...

Mesclando uma jogabilidade inovadora, gráficos incríveis e diversão soberba, apresento-lhes Faith e o mundo de MIRROR'S EDGE, da DICE:



História:

Mais uma vez, a mãe Wikipedia ajuda- Mirror's Edge é ambientado em uma sociedade onde a comunicação é fortemente monitorada por um regime totalitário, e, assim, uma rede de corredores, incluindo a personagem principal, Faith, é usada para transmitir mensagens evitando a vigilância do governo.

Nesse ambiente, você controla Faith, uma runner recém-alistada, que é acusada da morte de Pope, o governante da cidade em que se passa a história. O mais interessante dos runners é o modus-operandi deles: as mensagens são transmitidas a pé, e todos os corredores são praticantes de Le Parkour (sim, aquele negócio que nós, nerds sedentários não conseguimos - ou temos medo - de praticar).

A meta é achar os culpados da morte de Pope e livrar sua cara e da sua irmã, mas a coisa se desenrola de forma diferente do que você pensa...



Gráfico e Som:

Aqui está o grande diferencial do jogo: mesmo sendo um dos primeiros jogos dessa geração, os gráficos de ME são INCRÍVEIS - por estarmos acostumados com FPS convencionais, nos acostumamos com aqueles gráficos "cinzas' escuros... Mas em Mirror's Edge a coisa é diferente: a maioria das fases são durante o dia e isso dá margem para efeitos fantásticos!

E som colabora muito com tudo isso: o barulho dos passos, a respiração, os tiros... Ouça em som 5.1 e parecerá REALMENTE que está correndo nas ruas e pulando pelos prédios!


Jogabilidade:

Esse é o leo mais fraco do jogo: por tradição, os jogo em primeira pessoa tem uma jogabilidade mais "travada" para acrobacias, e em ME isso teve que ser retirado. Vejam bem, os comandos funcionam bem, exceto pelo pulo, que as vezes falha quando você mais precisa (e isso é fundametal).

Muita gente não gostou da jogabilidade nos consoles, preferindo o PC. Joguei no XCaixa e adorei, mas não sei dizer se no PC é melhor...




Diversão:

Ah, isso é muito importante: o jogo É MUITO DIVERTIDO!
fato de você pegar os esquemas do jogo de subir nos lugares de forma rápida, desarmar policiais e principalmente TERMINAR O JOGO SEM DAR UM ÚNICO TIRO é incrível! Alguns reclamariam que é muita "tentativa e erro", mas nesse caso o desafio é maior que a possível frustração! e mesmo que a aventura acabe rápido e não tenha multiplayer, você vai querer terminá-lo MUITAS VEZES!




Conclusão:

O jogo é lindo, muito divertido e vai te deixar muito tempo entretido com ele, querendo terminar em todas as dificuldades e de todas as formas possíveis (como eu). Porém, a jogabilidade pode te deixar com o pé atrás, pricipalmente se você não gostar de jogos de primeira pessoa.

Nota 8,5!


Reações: